Compartilhar

Autor brasileiro João Paulo Cuenca participa da Feira do Livro de Frankfurt

Autor brasileiro João Paulo Cuenca participa da Feira do Livro de Frankfurt

A Feira do Livro de Frankfurt começa em 10 de outubro e conta com a presença de três autores brasileiros. Entre eles, o escritor João Paulo Cuenca, que participa pela terceira vez do evento com o apoio do Ministério das Relações Exteriores do Brasil, do Ministério da Cultura e do Brazilian Publishers, projeto de internacionalização de conteúdo editorial brasileiro realizado por meio de uma parceria entre a Câmara Brasileira do Livro (CBL) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). Seus livros já foram publicados em diversos países como Portugal, Brasil, Argentina, Colômbia, México, França e Itália.

Durante o evento, João Paulo vai participar de dois debates: ”Literatura Política”, que acontece em 11 de outubro, às 14h  (Horário de Frankfurt) e “Língua Portuguesa”, que ocorre em 13 de outubro, às 10h30 (Horário de Frankfurt). O autor também vai apresentar o seu livro mais recente “Descobri Que Estava Morto” (2015). “Como escritor, acho fundamental participar de feiras internacionais como a de Frankfurt. Cada país recebe e entende o livro de uma forma diferente e me alimento muito das leituras que uma obra tem no exterior. Sempre saio dessas viagens com instrumento para escrever o próximo livro”, explicou.

“Descobri Que Estava Morto” foi produzido após o autor ser informado que um homem estava usando a sua certidão de nascimento quando foi morto. Com isso, João começa a investigar a história dessa pessoa e como ele conseguiu seus documentos. Paralelamente, a narrativa apresenta um panorama da cidade do Rio de Janeiro, que estava em período de reformas urbanas para os Jogos Olímpicos Rio 2016. O livro foi publicado na Argentina, México e Colômbia pela editora Tusquets, em Portugal pela Caminho, na França  pela Cambourakis e na Itália pela Miraggi.

Sua obra de maior destaque internacional é o romance “O Único Final Feliz Para Uma História De Amor É Um Acidente” (2010). A narrativa se passa em um futuro próximo na cidade de Tóquio e é centrada no personagem Shunsuke Okuda, que cria uma identidade para cada namorada que conhece nos bares do distrito de Kabukich. Os passos de Shunsuke são gravados pelo próprio pai, que parece querer destruir qualquer chance de felicidade do filho. A obra foi publicada em Portugal pela editora Caminho, na Espanha pela Lengua de Trapo, Alemanha pela A1 Verlag, na França pela Cambourakis, nos Estados Unidos pela Tagus Press, na Finlândia pela Ivan Rotta & Co e na Romênia pela Polirom.

Em 2012, João foi considerado um dos 20 melhores jovens escritores brasileiros pela revista inglesa Granta. Durante a sua carreira, o autor também escreveu “Corpo Presente” (2003), “O Dia Mastroianni” (2007) e “A Última Madrugada” (2012).

Sobre o Brazilian Publishers

Criado em 2008, o Brazilian Publishers é um projeto setorial de fomento às exportações de conteúdo editorial brasileiro, resultado da parceria entre a Câmara Brasileira do Livro (CBL) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). A iniciativa tem como propósito promover o setor editorial brasileiro no mercado global de maneira orientada e articulada, contribuindo para a profissionalização das editoras.

voltar