Compartilhar

Editoras brasileiras de gênero científico e acadêmico participam da Feira do Livro de Frankfurt

Editoras brasileiras de gênero científico e acadêmico participam da Feira do Livro de Frankfurt

A Feira do Livro de Frankfurt começa nesta quarta (10) e conta com a participação de 27 editoras brasileiras sendo seis delas voltadas para o gênero Científico, Técnico e Acadêmico. A delegação é encabeçada pelo Brazilian Publishers, projeto de internacionalização de conteúdo editorial brasileiro realizado por meio de uma parceria entre a Câmara Brasileira do Livro (CBL) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

A Editora Unesp é uma filial editorial da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, uma das maiores e mais importantes instituições de ensino superior do Brasil. Seu catálogo possui títulos como “Alzheimer: a doença e seus cuidados”, de Alessandro Ferrari Jacinto e Marisa Folgato, “Políticas Culturais e Povos Indígenas”, de Manuela Carneiro da Cunha e Pedro de Niemeyer Cesarino e “Histórias dos Crimes e da Violência no Brasil”, de Mary Del Priore e Angélica Müller.

A SENAI-SP Editora busca identificar oportunidades que possam ajudar a enriquecer as áreas da indústria editorial. A empresa leva diversos títulos para Frankfurt, como “Sistemas Hidráulicos Industriais”, de Ilo da Silva Moreira, “Diagnósticos e Regulagens de Motores de Combustão Interna”, de Melsi Maran, entre outros.

A Editora Cortez já lançou mais de 1.500 títulos e cresceu para se tornar uma referência acadêmica para professores, ex-alunos e profissionais nos campos de Ciências Sociais e Humanas – especialmente em Educação, Sociologia, Serviço Social e Linguística. A empresa possui em seu catálogo obras como “ABC Dos Direitos Humanos”, de Dulce Seabra e Sérgio Maciel, que fala sobre a Declaração dos Direitos Humanos.

A EDUSP faz parte da Universidade de São Paulo, a melhor faculdade pública brasileira. Seu principal objetivo é publicar trabalhos de renomados especialistas em todas as áreas de pesquisa. Os títulos publicados são planejados para atender às necessidades do público acadêmico – estudantes, professores e pesquisadores. Seu catálogo conta com obras como “História Concisa do Brasil”, de Boris Fausto, “50 anos de Feminismo”, de Eva Alterman Blay e Lúcia Avelar, entre outras publicações.

A Universidade Federal do Pará é a instituição acadêmica e científica mais importante da região amazônica e publica obras originais ou reeditadas, clássicas ou contemporâneas, de interesse científico, acadêmico, artístico e cultural. Seu catálogo oferece obras como “A Questão da Habitação em Municípios Periurbanos na Amazônia”, produzido pelos autores Joana Valente Santana, Anna Carolina Gomes Holanda e Aldebaran do Socorro Farias de Moura; e “Tramas do Cotidiano: Religião. Política, Guerra e Negócios no Grão Pará do Setecentos”, de José Alves de Souza Júnior.

A Boitempo é uma editora independente com publicações voltadas para o pensamento crítico. Com um catálogo consistente e amplamente respeitado, a empresa possui títulos relacionados a humanidades e obras de ficção como “Feminismo e Política”, de Flávia Biroli e Luis Felipe Miguel, “Brasil: Uma Biografia Não Autorizada” de Francisco de Oliveira, “Deslocamentos do Feminino”, de Maria Rita Kehl, entre outros.

Faça o download da edição 2018/2019 do Brazilian Publishers e saiba mais sobre as empresas que estarão presentes em Frankfurt.

Além da participação das editoras, o evento também conta com a presença de três autores brasileiros: João Paulo Cuenca, Bianca Santana e Geovani Martins. Saiba mais aqui.

Sobre o Brazilian Publishers

Criado em 2008, o Brazilian Publishers é um projeto setorial de fomento às exportações de conteúdo editorial brasileiro, resultado da parceria entre a Câmara Brasileira do Livro (CBL) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). A iniciativa tem como propósito promover o setor editorial brasileiro no mercado global de maneira orientada e articulada, contribuindo para a profissionalização das editoras.

voltar