1ª Bienal Virtual do Livro de São Paulo espera receber 1 milhão de visitantes

08/12/2020

Um dos eventos mais relevantes do mercado editorial brasileiro, a Bienal Internacional do Livro de São Paulo reúne, de dois em dois anos, as principais editoras, distribuidoras e lançamentos do Brasil e também de outros países. Sua última edição, realizada em 2018, teve 10 dias de duração e contou com a presença de mais de 600 mil pessoas. Em 2020, devido à pandemia do novo coronavírus, o evento não pôde ser realizado presencialmente. Por isso, a Câmara Brasileira do Livro (CBL) criou a 1ª Bienal Virtual do Livro de São Paulo.

Com o tema Conectando Pessoas e Livros, o evento acontece pelo portal www.bienalvirtualsp.org.br, com acesso gratuito à toda programação e às novidades do mercado editorial. A edição virtual conta com mais de 100 expositores e 330 autores confirmados, além de mais de 200 horas de conteúdo, vendas de livros e rodadas de negócios. O evento acontece até o dia 13 de dezembro, com expectativa de receber 1 milhão de visitantes.

Em sua extensa programação, a Bienal Virtual disponibiliza espaços que reúnem autores e profissionais do mercado editorial em discussões com temas variados como racismo, empoderamento feminino, comportamento e espiritualidade. Nomes como Mauricio de Sousa, Leandro Karnal, Monja Coen e Mário Sérgio Cortella compõem alguns dos bate-papos que acontecem durante essa semana.

A escritora Cida Pedrosa, vencedora do Livro do Ano do Prêmio Jabuti 2020 também marcou presença durante esta edição ao falar sobre a obra Solo para Vialejo. Além dela, Itamar Vieira Júnior, autor de Torto Arado, obra vencedora da categoria Romance Literário do Prêmio Jabuti 2020, vai falar sobre literatura, diversidade, sociedade brasileira e, claro, sobre sua obra.

Outros encontros imperdíveis são as mesas organizadas pela Comissão para Promoção de Conteúdo em Língua Portuguesa, a CPCLP (link para o site da comissão). Diversos especialistas, como os professores João Veloso, de Portugal, e Irene Mendes, de Moçambique, se reúnem para falar sobre as curiosidades e os jogos de palavras do português em diferentes lugares do mundo. E em um segundo momento, os ilustradores Eloar Guazeli, do Brasil, Afonso Cruz, de Portugal e Mauro Manhiça, de Moçambique, nos guiam pelos caminhos imaginários do desenho como escrita. 

Negócios

Durante o evento, acontece também a 2ª edição da Jornada Profissional, com ações de matchmaking e workshops que possibilitam um intercâmbio cultural e de aprendizado. Esses encontros também promovem discussões sobre os panoramas atuais do setor e as perspectivas para o mercado editorial mundial. Neste ano, a jornada reúne mais de 50 empresas brasileiras e estrangeiras, com estimativa de fechar US$ 400 mil em negócios nos próximos 12 meses.  

Com um portal desenvolvido com exclusividade para a Jornada Profissional, os participantes poderão se encontrar, apresentar catálogos e lançamentos e agendar reuniões durante toda a semana, além de três mesas de discussão sobre o setor, que acontecem nos dias 7, 9  e 11 de dezembro.

As rodadas de negócios serão exclusivas para empresas apoiadas pelo Brazilian Publishers, projeto de internacionalização de conteúdo editorial brasileiro realizado por meio de uma parceria entre a CBL e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).  Já as mesas e discussões são abertas e podem ser acompanhadas por todos os interessados.

O ambiente virtual também possibilita que o público assista a todas as palestras por mais tempo. O portal fica no ar até 13 de janeiro e não há necessidade de cadastro para assistir aos debates e visitar as salas dos expositores.