“Fuga”, da FTD Educação, entra na lista de 100 livros do ano da Fundação Cuatrogatos

Fuga FTD
30/03/2021

O livro “Fuga”, da escritora brasileira Luana Chnaiderman de Almeida, está na lista de 100 indicados do ano do prêmio da Fundação Cuatrogatos 2021. A premiação reconhece a produção editorial em espanhol de autores e ilustradores ibero-americanos voltada para crianças e jovens.

A obra é editada originalmente pela FTD Educação, editora participante do Brazilian Publishers – projeto de internacionalização de conteúdo editorial brasileiro realizado por meio de uma parceria entre a Câmara Brasileira do Livro (CBL) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). A Editorial Norma, da Colômbia, comprou recentemente os direitos para lançar a obra no país.

Na edição de 2021 do prêmio Fundação Cuatrogatos, foram considerados 1.194 livros publicados por 182 editoras de 16 países. Além do Brasil, a lista inclui livros da Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Cuba, Espanha, Estados Unidos, México, Nicarágua, Peru, Porto Rico, Uruguai e Venezuela.  Ao lado dos 20 livros vencedores e dos finalistas, a instituição faz uma seleção de 100 obras recomendadas para o público infantojuvenil, pelo valor literário e também das ilustrações.

A lista completa dos vencedores, finalistas e indicados de 2021 está no site da fundação.

“Fuga”

O livro de Luana Chnaiderman de Almeida conta a história da jovem Marina que, de repente, no meio de uma festa, entra em crise: não se reconhece nos assuntos de sua turma, não entende bem a postura dos adultos e percebe as contradições do modo de vida moderno, repleto de curtidas, selfies e autopromoção.

Decide, então, iniciar imediatamente uma viagem arriscada e de destino incerto. Deixa família, amigos e conforto para realizar sua fuga para descobrir nas coisas, nas pessoas ou dentro de si um novo lugar para viver, mais adequado a alguém de pensamento livre e independente.

Sobre o Brazilian Publishers

Criado em 2008, o Brazilian Publishers é um projeto setorial de fomento às exportações de conteúdo editorial brasileiro, resultado da parceria entre a Câmara Brasileira do Livro (CBL) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). A iniciativa tem como propósito promover o setor editorial brasileiro no mercado global de maneira orientada e articulada, contribuindo para a profissionalização das editoras.