Literatura infantojuvenil tem aumento de vendas durante o mês de março no Brasil

02/04/2020

Hoje, dia 2 de abril, comemoramos o Dia Internacional do Livro Infantojuvenil. No Brasil, mesmo com a crise causada pelo novo coronavírus, as vendas de títulos para os pequenos apresentou crescimento: de acordo com o ranking da Nielsen PublishNews, o mês e março teve desempenho 10% melhor do que o de fevereiro.  

O destaque de março fica para a youtuber Luluca. A jovem lançou seu livro  “Luluca – No mundo dos desafios” no dia 10, e já garantiu espaço entre os mais vendidos na categoria voltada para crianças e jovens, além da quinta colocação da lista geral ao vender 2.407 exemplares. O livro é um selo da editora Astral Cultural

Nessa mesma semana em que Luluca ganhou espaço no ranking, o livro “O diário perdido de Gravity Falls” (Universo dos Livros), de Alex Hirsch, ficou em segundo lugar entre os mais vendidos. “Luccas Neto em “Os aventureiros” (Pixel) aparece em terceiro, seguido de “As aventuras de Mike” (Outro Planeta). Em quinta colocação, permanece um clássico da literatura infantojuvenil “Harry Potter e a pedra filosofal” (Rocco), de J. K. Rowling, em sua versão especial de capa dura.

Luíza, mais conhecida como Luluca, é a protagonista do canal no Youtube chamado Crescendo com Luluca. Lá, ela propõe desafios, jogos criativos e brincadeiras voltadas para o público infantojuvenil. A jovem já acumula 7 milhões de seguidores em sua página de vídeos, além de mais de 90 mil likes no Facebook e 2 milhões no Instagram.

Como o próprio nome diz, o livro de Luluca propõe desafios. Ela chama seus seguidores e leitores de pandinhas e os convida para conhecer mundos completamente “doidinhos cobertos por doces, com jogos que parecem ter saído diretamente de um videogame e um lugar digno de estrelas de cinema”. A menina Luíza promete diversão e entretenimento no meio de páginas coloridas. “Só existe uma única regra: divirta-se muito!”, ela complementa.

Para ficar por dentro da lista completa da Nielsen PublishNews, basta clicar aqui. A listagem indica os autores brasileiros mais vendidos em livrarias, supermercados e lojas de autoatendimento no Brasil. O levantamento é dividido em cinco categorias. São elas: ficção, não ficção, autoajuda, infantojuvenil e negócios.