Série Autores Brasileiros: Ana Maria Machado

10/08/2018

Antes de se tornar escritora, Ana Maria Machado trabalhou como pintora, jornalista e professora universitária. Com 40 anos de carreira, ela já escreveu mais de 100 livros voltados para leitores de todas as idades. Desse número, 85 obras foram publicadas em 27 países como Alemanha, China, Colômbia, Cuba, Emirados, Rússia, Venezuela, entre outros.

Ana Maria Machado faz parte da Série Autores Brasileiros, uma iniciativa do Brazilian Publishers, projeto de internacionalização de conteúdo editorial brasileiro realizado por meio de uma parceria entre a Câmara Brasileira do Livro (CBL) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

A autora começou sua carreira com o livro infantil “Bento-que-Bento-é-o-frade”. Lançado em 1977, a obra conta a história da menina Nita que não se conforma em fazer as coisas iguais aos outros. O título foi publicado na Argentina pela editora Emecé. No ano seguinte, Ana Maria ganhou um dos prêmios literários mais importantes do Brasil organizado pela Câmara Brasileira do Livro, o Prêmio Jabuti, com a obra “Histórias meio ao contrário”.

Para o público adulto, a autora escreveu “Tropical Sol da Liberdade” (1988) publicado na Argentina e na Sérvia, “O Mar nunca Transborda” (1995), “Alice e Ulisses” (1983), “Para Sempre” (2001), Um Mapa Todo Seu (2015), entre outros.

De todas suas publicações, Ana Maria destaca “De Olho nas Penas” como o livro mais significativo da sua carreira. O título ganhou o prêmio Casa de Las Americas, em 1980, em Cuba e apresenta a história de Miguel, que viajou pelo mundo e desvendou os segredos da América Latina, África e da própria vida. “Esse livro trouxe o meu primeiro prêmio internacional. Mesmo sendo do gênero juvenil, eu fiz questão de que ele concorresse com livros escritos para adultos. Era inédito e sob pseudônimo, porque vivíamos o regime militar no Brasil. Embora a repercussão pública com a censura à imprensa tivesse sido quase nula, o fato chamou a atenção para meu nome e me confirmou que meu trabalho poderia ser reconhecido como de qualidade”, explicou a autora. O título foi publicado na China pela editora Kaixin, Dinamarca (Hjulet), Colômbia (Norma), Noruega (Gyldendal), Suécia (Gidlunds Förlag) e em Cuba por meio do prêmio.

Sua carreira soma outros prêmios como Hans Christian Andersen pelo conjunto de sua obra infantil, Príncipe Claus, Iberoamericano SM de Literatura Infantojuvenil, Zaffari & Bourbon pela obra “Infâmia”, menções no APPLE (Association Pour la Promotion du Livre pour Enfants), Instituto Jean Piaget, Américas Award, entre outros.

Ana Maria Machado é uma das escritoras brasileiras contemporâneas mais versáteis e ocupa a cadeira número um da Academia Brasileira de Letras, que presidiu de 2011 a 2013. A autora foi a segunda mulher a atuar como presidente da instituição.

Sobre a Série: Autores Brasileiros

Em busca de incentivar o conhecimento sobre a literatura contemporânea brasileira, o Brazilian Publishers, projeto de internacionalização de conteúdo editorial brasileiro realizado por meio de uma parceria entre a Câmara Brasileira do Livro (CBL) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), criou a série “Autores Brasileiros”, que traz informações sobre escritores nacionais da atualidade.

Sobre o Brazilian Publishers

Criado em 2008, o Brazilian Publishers é um projeto setorial de fomento às exportações de conteúdo editorial brasileiro, resultado da parceria entre a Câmara Brasileira do Livro (CBL) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). A iniciativa tem como propósito promover o setor editorial brasileiro no mercado global de maneira orientada e articulada, contribuindo para a profissionalização das editoras.